Whatsapp da Florencanto11 99974-0597
Mini Orquídeas

As pequenas notáveis mini orquídeas

A ORQUÍDEA ONCIDIUM é um gênero descrito pelo botânico sueco Olof Peter Swartz, no século 19. Sua principal característica é a saliência de um pequeno calo situado na base do labelo que tem a aparência de um pequeno tumor. A flor, originária do continente americano, pode ser encontrada nos mais diversos ambientes, como regiões montanhosas, áridas, úmidas, quentes e firas. A diversidade é muito ampla. O gênero possui registros de mais de 600 espécies.

A Orquídea Oncídium, também conhecida como chuva de ouro é melhor cultivada em palitos de madeiras, por exemplo, casca de peroba ou pedaços de ripas, desenvolvendo-se melhor tendo suas raízes aéreas. Isso não é uma regra, existem casos de plantas extremamente floríferas e saudáveis em vasos, mas, em geral, o melhor cultivo se dá em solos arejados e drenados.

De uma forma gera, a rega acontece quando o substrato estiver seco, evitando deixa-lo esturricar, mantendo-o sempre levemente úmido. A durabilidade da flor está ligada ao cultivo. Se a planta não tiver sido adequadamente cuidada, poderá até florescer, mas sem mostrar toda sua exuberância. Algumas espécies podem ficar mais de 45 dias floridas, sem corte na haste.

A chuva de ouro tem um bom desempenho no mercado de flores. Por incrível que pareça, apesar do brasileiro não ter o hábito de consumo de flores, temos períodos nos quais elas faltam no mercado. As orquídeas, de uma forma geral, vêm se popularizando e quebrando o tabu de serem delicadas, frágeis e difíceis de cuidar.

Sazonais, sua maior oferta acontece na primavera, E a cor mais frequente é a amarela. Geralmente, pintalgado de castanho no centro da flor. Existem algumas espécies de flores brancas, rosas, verdes e uma variedade maior nos híbridos, como vinho, chocolate, vermelhos, salmão, etc.

As plantas possuem variações no tamanho, que vão desde o pequeno ao grande. Existem muitas espécies com características diferentes. De forma geral, são flores delicadas que se prolongam em hastes grandes e finas. Sua floração é abundante e frequente durante o ano. O perfume inebria a beleza das flores pequenas e elegantes. A orquídea chuva de ouro, quando se encontra em plena floração chega a liberar em suas hastes mais de 100 flores.

Seu tamanho é determinante para a forma como é usado em arranjos. É bom evitar a combinação com flores grandes, por sua flor ser pequena, acaba sumindo. Como tem leveza, se misturá-la, tira o brilho. Então o ideal é utilizá-la sozinha ou usar nuvens com várias delas, dando formas arredondadas ou triangulares. A flor agrupada deixa a sensação de que formamos uma nova flor, representando assim uma força expressiva e única. A orquídea chuva de ouro pode ser encontrada em diversas floriculturas em São Paulo Sp!






Flores Amarelas