11 2626037699974-0597

As flores mais raras do mundo

Flor de Kadupul
Flor com tom branco/amarelo que só cresce a uma altura de uns 30 centímetros. Seu nome cientifico é epiphyllum oxypetalum . Pode ser encontrada no Sri Lanka, Índia e alguns países sul americanos. Seu habitat natural é nas florestas tropicais, mas também pode ser cultivada em jardins ornamentais. Geralmente florescem entre 22 e 23 horas e prolonga este processo somente por duas horas. Tem uma fragrância doce e tendem a florescer em uma base mensal, nos dias de lua cheia.

Dendrophylax lindenii ou Orquídea Fantasma
Orquídea sem folhas, somente apresentando flores e raízes (que geralmente se prendem as cascas de árvores hospedeiras) . Se assemelha a um fantasma pela sua flor branca que se move á noite. Podem ser encontradas os EUA, Cub e Bahamas. Necessitam de umidade alta, temperaturas suaves, sombra e existência de um certo fungo para prosperar.

Cosmo do Chocolate Trata-se de uma herbácea perene, nativa do . Cresce entre 40 a 60 cm de altura e suas folhas tem 7 a 15 cm de comprimento, com folheto de 2-5 cm de comprimento. Encontra-se extinta. Tem cheiro de chocolate! Lotus berthelotii Essa é uma planta fanerógama leguminosa perene, também conhecida como pico de paloma (“bico-de-pomba”), endêmica dos pinhais da ilha Tenerife, Canarias. Encontra-se em perigo de extinção no seu habitat natural desde 1884, onde persistem apenas espécimes isolados. Atualmente diversos cultivares foram desenvolvidos para utilização da planta como ornamental sendo mais frequente seu cultivo em jardins e como elemento de composição em paisagismo.

Youtan Poluo
É uma planta bastante interessante pelo fato de se dizer que ela floresce apenas uma vez em cada 3.000 anos. Segundo a história, quando floresce está ligada à reencarnação de Buda, o que lhe confere aspecto totalmente místico. Essa minúscula flor branca pode facilmente passar despercebida aos olhares desatentos. Foi o Sr. Ding, agricultor chinês, que primeiro descobriu essa planta fascinante, ao limpar seu jardim. Essa descoberta foi divulgada em 2007.

Silene tomentosa
A silene tomentosa, ou campion de Gibraltar, é uma planta muito rara da família caryophyllaceae. As suas flores variam do rosa ao violeta pálido. Em 1992 a comunidade científica considerou-a como extinta, mas em 1994 foi redescoberta, quando foi encontrada ao crescer na reserva natural de Upper Rock, Gibraltar. Atualmente pode ser encontrada apenas nos jardins botânicos de Gibraltar e em Londres, sendo uma planta protegida por lei.

Orquídea sapatinho-de-dama
Originalmente essa orquídea era encontrada em florestas abertas e em solos de calcário úmidos, principalmente na Grã-Bretanha. No século XX tinha declinado para apenas uma única planta em um local em um vale até que em 1917, esta orquídea foi declarada extinta oficialmente. Tempos depois, alguns botânicos a redescobriram em um campo de golfe. É protegida por lei.

Jarro-titã
A Amorphophalus titanum é conhecida também pelo nome comuns de jarro-titã ou flor-cadáver.Éuma espécie que produz um gigantesco espádice, considerado um dos maiores do mundo. Quando desabrocha, a sua flor chega atingir 3 metros altura e pode pesar até 75 quilogramas. Os florescimentos dessa planta são raros, pois é uma planta muito difícil de se cultivar. Quando floresce, exala um forte odor de carne podre que atrai muitos insetos. Originaria do oeste de Sumatra, uma ilha da Indonésia, foi descoberta pelo botânico Odoardo Beccari em 1878. Pode viver até 40 anos, mas só floresce duas ou três vezes durante o seu tempo de vida.

Videira esmeralda
É uma espécie de leguminosa perene liana, nativa das floresta tropicais das Filipinas. Possui caules que podem chegar até 18 m de comprimentos com folhagem claras . As flores em forma de garra podem atingir até 3 m de comprimento. A cor dessa flor é semelhante a algumas formas de minerais como turquesa e jade, variando de uma cor de azul-verde hortelã. Cresce ao lado de riachos em florestas úmidas, ou ravinas.

Middlemist vermelha
Uma das flores mais raras do mundo, a Middlemist vermelha, existe apenas em dois locais no mundo - uma em estufa no Reino Unido, e uma em um jardim da Nova Zelândia. Originária da China, chegou na Grã-Bretanha há mais de duzentos anos, quando as flores eram um item de luxo. Já extinta na China, essa flor recebeu o nome do jardineiro John Middlemist.



Clique para ver se entregamos no local
Insira cep da entrega para consultar: Frete e Prazo de entrega